segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Na Real: A crônica do editor




Leni
"O embusteiro"

Há muito conheço um sujeito que costuma se aproveitar de sua frágil aparência,para cometer as mais diversas patranhas no meio em que vive.Seu verdadeiro nome é Evanegildo.Este cidadão hoje um sexagenário e admirador do comunismo-uma de muitas de suas facetas para demonstrar sempre uma postura opositora-resolveu usar o codinome Leni,deixando clara sua admiração pelo político revolucionário Russo,Vladimir IIitch Lenin.Leni passa horas do dia perambulando pelas ruas do centro da cidade carregando uma antiga e surrada edição do livro "on the road" de Jack Kerouac(publicada em inglês),catitando lojas,sebos de discos e alfarrábios.Alguns proprietários de tais estabelecimentos,já o conhecem e ficam atentos para a conversa fiada de Leni.É costumas ele andar sempre mal vestido,com a camisa surrada e amassada,calça por lavar e sapatos desgastados.Leni costuma fazer alguns bicos para sobreviver,mas não chega a permanecer por muito tempo trabalhando,não é muito do agrado dele a responsabilidade do ofício.Com a grana que ele consegue ganhar fazendo esses pequenos favores,compra algum baseado e se abastece com CDs de rock clássicos, passando a desfilar com os discos nas mãos,para que os amigos e demais conhecidos vejam suas raras aquisições.Ouvir tais discos,Leni jamais vai conseguir,ele não dispõe de aparelho adequado para isso,nem residência fixa Leni tem.Quando a situação aperta,recorre ao primeiro que encontra pela frente e num piscar de olhos,vende todos os discos comprados por um preço bastante inferior ao valor adquirido.É sempre assim,os fatos vão se repetindo e Leni continua a pedir grana para alguns,pegar discos e livros emprestados de outros e repassar a terceiros sem autorização prévia.Sua mais recente façanha,foi criar uma página no Facebook.A maneira como ele consegue acessar tal site de relacionamento,tem muita gente querendo saber.Leni não possui qualquer tipo de recurso que lhe ofereça condições para isso.Então porque diacho Leni se cadastrou?.Como sempre,Leni da o seu jeito,basta ver suas postagens intelectíveis,até parece que Leni realmente cursou alguma faculdade de sociologia,letras ou artes plásticas.Leni é assim mesmo,continua aprontando das suas sem limites. A consequência foi a perda de quase todos os seus amigos.Hoje Leni está praticamente sozinho e mais uma vez sem trabalho,sem grana,sem discos,sem os livros de Kerouac,e de uma maneira ou de outra,tentando levar alguém na conversa.


Ops:Obra de ficção.Qualquer semelhança é mera coincidência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário