sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Faço de Tudo pra conseguir o disco que eu quero:Os discos que eu ganhei durante um sono profundo


O bacana quando se coleciona discos,não é você puxar a grana da carteira e pagar por eles.O grande lance é a maneira inusitada de como nós colecionadores adquirimos certos exemplares. Durante minha vida como um ferrenho colecionador de LPs,fiz várias tranzações como a troca de um dico importados por cinco nacionais à escolha,troquei também algumas ediçõs com capa dupla dando em troca a minha com capa simples e mais um disco de volta,enfim..foram várias as situações em que eu me metia para adquirir um álbum que eu tanto desejava ou que alguém gostaria de ter algo que pertencesse à minha coleção.Como sempre em alguns lances eu perdi,em outros eu ganhei.Vou aproveita o meu blog e relatar algumas historinhas legais que aconteceram comigo,em crôncas que vou chamar de "Faço de tudo pra conseguir o disco que eu quero".Nesta primeira narrativa vou contar a história de um ex amigo chamado Tadeu. Lá pelo início dos anos oitenta(1981),uma turma da pesada na qual eu me incluía) costumava se reunir aos sábados à tarde na 25 de setembro pra falar de rock and roll,mostrar as últimas aquisições,trocar discos,enfim,eram verdadeiras tardes rockeiras.Numas dessas tardes estávamos na casa do Heitor Menezes,hoje residindo em Brasília;e o Heitor veio logo me mostrando dois álbuns os quais um deles eu já conhecia em versão nacional:Blind Faith(LP homônimo da banda que Eric Clapton Formou junto com Steve Winwood) e Last Exit(derradeiro registro do Traffic com a sua formação original contando com o guitarrista Dave Mason).Quando coloquei os olhos em ambos(os discos),pirei e fui logo indagando.De quem é Heitor? é teu?,no que o meu amigo respondeu:Não quem me dera,é do Tadeu!!.Eu rebati,porra quem é Tadeu?.Ele mora em São Braz,por trás do terminal rodoviário!!.Sábado que vem,vou devolver estes discso pra ele,se tu quiseres podemos ir na casa dele...Então tá falado,mas me passa o telefone dele que eu vou ligar e saber se ele faz rolo com esses discos.Na segunda feira,liguei pro Tadeu: Alô Tadeu é o Adevaldo amigo do Heitor,sei que ele tem dois discos teu e eu tô afim dos dois,tu queres fazer algum rolo,te dou cinco discos em troca do Blind Faith e do Traffic que estão com o Heitor!,no que o Tadeu respondeu: Bicho,só eu vendo os teus dioscos,leva lá em casa...Posso ir sábado com o Heitor?,pode e leva os teus!.Tá legal,respondi. No sábado,peguei os cinco discos dos quais eu só lembro de dois:Diver Down(Van Hallen) e Seconds Out(Genesis,original da época do lançamento,com o selo reproduzindo a foto da capa frontal do álbum),fui na casa do Heitor na 25 de Setembro,e de lá rumamos para São Braz,isso era umas três horas da tarde. Chegando na casa do nosso amigo,batemos na porta diante de um muro baixo pintado de verde e branco e um tiozinho com cara de bonachão veio nos atender:Pos não?.Respondeu o Heitor,queremos falar com o Tadeu!.Ela tá dormindo,mas vão lá no quarto dele que ele acorda.Entramos na casa,um chalé antigo com um corredor,onde a última porta do lado esquerdo era a do quardo do Tadeu. A porta estava encostada,entramos e chamamos em voz baixa:Tadeu,Tadeu,somos nós!. Ele se virou pro lado oposto em ques estava dormindo e balbuciou:To dormindo,porra!.Trouxemos os teus discos e o Adevaldo trouxe\os cinco que tu pediste pra ele trazer pra vocês fazerem a troca!.Ele não respondiamais nada,até que puxei no dedão do pé dele,puto ele exclamou:deixa os teus discos aí e leva os que tu queres e deixa eu dormir seus porras!!.Coloquei os os cinco álbuns que euhavia levado encostados na
parede,peguei das mãos do Heitor o Blind Faith e o Traffic e falei pro Heitor: Umbora logo,antes que ele acorde e se arrependa de ter feito a troca!. Já na segunda feira no trabalho,o telefone toca,vou atender é o Tadeu: Porra Adevaldo,tu me enganou seu porra!!.O ùnico disco dos teus aqui que me interessou foi  o do Genesis,o resto vou jogar fora,seu porra!.Ja era tarde,a troca já havia sido concretizada,pois mesmo dormindo o nosso saudoso amigo Tadeu,concordou com a tranzação,tendo o Heitor como testemunha in loco.

DAVID BOWIE & PETER FRAMPTON -MONTREAL '87


A turnê em que Peter Frampton colaborou com David Bowie,dividindo às guitarras com Carlos Alomar.O concerto aqui,foi registrado no Olimpic Stadium em Montreal no Canada,no dia 30 de Agosto de 1987,durante a The Glass Spider Tour.