sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

ROCK,A HISTÓRIA: Peter Grant

Bonham,Grant,Page e Plant
Em qualquer segmento musical,a presença do empresário é de suma inportância para o sucesso do artista. Algumas vezes eles chegam ao estrelato tanto quanto seus contratantes. Mais que um responsável por finanças,agendamento de turnês,entrevistas em rádios e tv's,ensaios,gravações e outras atribuições,o manager de verdade tem que ser um paizão,um amigaço,pau pra toda obra.

Duas grandes figuras ficaram famosas no mundo atuando como agentes empresariais de bandas de rock'n' roll:Brian Epstein(The Beatles) e Peter Grant(Led Zeppelin).Considerado o quinto integrante pelos músicos do Led Zeppelin(assim como Epstein foi considerado o quinto Beatle),Peter Grant foi o maneger mais badalado do rock nos anos setenta. De estatura enorme,gordo,barbudo e com cara de gangster truculento,ele contava sempre que teve uma péssima educação. Não costumava falar de seu pai,dizia não lembrar-se dele,mas era cândido com sua mãe.O garoto Peter James "G" Grant que nasceu em South northwood na Inglaterra em 05 de Abril de 1935,ao completar 13 anos de idade começou à trabalhar como ajudante de bastidores do teatro Empire em Londres,ao mesmo tempo em que fazia um bico numa metalúrgica durando apenas uma semana.Grant ainda trabalharia como fotógrafo bém antes do serviço militar,onde chegou ao posto de cabo do exército Inglês. Ao largar a farda,foi para os Estados Unidos,tornando-se encarregado de espetáculos num hotel em Jersey City. De volta à Londres,foi gerenciar um bar no Soho(tradicional bairro boêmio da capital Britânica). Em algumas ocasiões,o futuro empresário do Led Zeppelin,também atuava como porteiro:"Ser gerente e porteiro ao mesmo tempo no Murray's Cabaret Club,foi bastante divertido,eles me pagavam uma insignificância com direito à janta,em compensação mulheres não faltavam". Como a grana era curtíssima,Peter Grant passou a praticar luta livre competindo com outros lutadores em troca de prêmios em dinheiro,até que um dia recebeu um convite de um produtor de televisão que o chamou para fazer um pequeno papel na série televisiva "Dixon Of Dock Green". Como ator,seu grande feito foi uma participação no filme "Os Canhões de Navarone";e mais uma vêz Grant descobriu que o cinema não estava em seus planos. Em pouco tempo o gorducho recebeu um convite para empresariar alguns nomes do rock como Gene Vincent,Little Richards e Jerry Lee Lewis. Na nova profissão,ele descobriu o que realmente queria fazer,e durante uma viagem à New Castle(Inglaterra),deparou com uma banda amadora chamada The Alan Price R&B Combo,grupo esse que conhecemos mais tarde como The Animals. Em parceria com o produtor Mickie Most,fundou a RAK Music Management,e com pouquíssimo tempo no ramo empresarial,Peter Grant já havia conseguido fama depois que quatro de seus artistas,estavam com álbuns postados no top 10 das paradas,além de ter Jeff Back,Terry Raid(o cara que recusou o convite de Jimmy Page para cantar no Led Zeppelin e ainda indicou Robert Plant) e Yardbirds como representante. Depois que Jimmy page encerrou o The Yardbirds e formou o Led Zeppelin,Peter Grant resolveu dedicar-se somente à sua nova mina de ouro.O empresário trabalhou como um gigante para tornar o Led Zeppelin uma das maiores bandas de rock do planeta. Para começar,às gravadoras Inglesas não deram muita bola ao quarteto recem formado.Grant atravessou o atlântico com as fitas do primeiro disco debaixo do braço,e foi bater na porta da casa de Mr.Ahmet Ertegün,executivo da gravadora Atlântic que na época investia mais em Jazz e R&B. Em algumas horas de conversa,Peter Grant obteve de Ertegün uma resposta positiva e o Led Zeppelin ganharia assim o seu primeiro contrato,lançando Led Zeppelin I. Grant ainda ajudaria a banda na constituição do selo Swan Song. Este grandioso empresário com toda a fama conquistada,jamais mudou seu estilo de vida e o trato com as pessoas. Ele era um sujeito obsequioso,mas ríspido quando necessário.Sempre manteve sua imagem pessoal pouco convencional,numa época em que a maioria dos agentes haviam se transformado em homens de negócios,metidos em ternos e gravatas. Diziam que Grant sequer possuia tal tipo de vestuário em seu armário. Sem quaisquer dúvidas,Peter Grant foi o manager mais eficaz da história do rock.

Nota: Outras Bandas que foram empresariadas por Peter Grant:
The New Vaudeville Band,Meggie Bell,Stone The crows,The Nashville Teens e Bad Company. Peter Grant Faleceu em 21 de Novembro de 1995.


Nenhum comentário:

Postar um comentário